O artista paranaense Chico Santos discute o crescimento urbano sobre as áreas naturais. Com uma narrativa visual que utiliza da intervenção, land art, site specific, escultura, video art e fotografia.